Depois da #SOPA, da #PIPA e do #PL118, temos agora a polémica censura de livros pelo Paypal

Depois da #SOPA, da #PIPA e do #PL118, temos agora a polémica censura de livros pelo Paypal

O Paypal instituiu recentemente novas condições de serviço que têm como consequência direta a censura dos livros que podem ser comercializados online, com base em critérios de suposta moralidade mais ou menos arbitrários. Em causa está um ultimato feito estes dias à Smashwords, uma importante plataforma de publicação para escritores independentes (que eu venho também utilizando enquanto autor), em que a Paypal obriga o site a eliminar as obras que contenham conteúdos que possam de alguma forma ser considerados obscenos.

Ler mais…