•  
    Regressar

    Que conselho daria a um escritor jovem?
    Também eu sou jovem, por baixo das minhas barbas, sabiam? :-)

    Nisto da escrita, nunca se sabe tudo e eu continuo a considerar-me um [eterno] aprendiz. Mas posso dizer que já aprendi algumas coisas sobre o assunto. Que é indispensável ler bons livros, e também indispensável ler alguns maus livros. Descobrir o que gostamos ou não de ler, e depois refletir sobre o que é que especificamente nos agrada ou desagrada nesses livros. E depois, claro, escrever muito, e editar, e apagar, e reescrever. Em suma, trabalhar arduamente para cultivar e fazer florescer o talento natural que possa existir em cada um. Acima de tudo, gostar do que se faz (embora isso não signifique gostar cegamente e para sempre de tudo o que escrevemos). Nem todos vamos chegar algum dia a publicar um best-seller, mas há muitos outros bons motivos para escrever ou tentar escrever um livro, pelo que valerá sempre a pena o esforço.